Business Development Companies: guia definitivo

Business Development Companies

Veja agora como funciona este tipo de investimento que paga altíssimos dividendos

Acredito que a maioria dos investidores que deseja e começa a investir no exterior faz como consequência de um interesse em investir nas melhores ações do mundo. É um desejo compreensível, afinal de contas as melhores empresas do mundo se encontram fora do Brasil.

Conhecer as ações americanas ou internacionais como um todo é o primeiro passo na jornada da diversificação internacional, mas após esse primeiro passo outras oportunidades de investimento se apresentam e muitas podem ser interessantes como diversificação e adequação aos seus objetivos e perfil de investidor.

Geralmente, conhecemos as ações, depois os ETFs, REITs e Bonds. Creio ser a jornada natural de todos. Só que o mercado internacional é muito amplo e há outros tipos de investimento além dos citados.

Um desses investimentos é chamado de Business Development Companies, também conhecidas por BDCs. Foram criadas em 1980 no chamado Ato de Incentivo ao Investimento em Pequenos Negócios. As BDCs são um tipo de empresa de investimento fechada que pode ser negociada em bolsa. Uma BDC investe em pequenas e médias empresas americanas de capital fechado e com acesso limitado a capital. Usando um montante de dinheiro levantado de investidores, uma BDC compra a dívida ou o patrimônio dessas empresas.

A equipe de gestão de uma BDC é responsável pela escolha dos investimentos, fornecendo assistência de gestão
para as empresas do portfólio e tornando a empresa lucrativa. A gestão pode ser feita internamente pelos próprios executivos da BDC ou por meio de um gestor externo contratado. Entre outras coisas, os gestores de uma BDC procuram fornecer um fluxo constante de receita que podem ser repassados como distribuições aos investidores. Em razão disso, as BDCs costumam ter um dividend yield bem acima da média do mercado.

O papel das BDCs em sua carteira

Uma carteira de investimento tradicional contém uma combinação de ações, títulos de renda fixa e ETFs. Embora essa combinação de classes de ativos tradicionais produza resultados satisfatórios, você também pode procurar ativos não tradicionais, também conhecidos como investimentos alternativos, para criar um portfólio mais abrangente que atenda suas necessidades de investimento. Neste contexto as Business Development Companies  são uma alternativa interessante para diversificar sua carteira e atuar como um gerador importante de renda.

Claro, antes de tudo você entender como as BDCs funcionam e quais são os riscos e as vantagens obtidas ao se investir nelas.

Estrutura de capital

Para cumprir seu objetivo de disponibilizar capital para pequenas e médias empresas dos Estados Unidos, as BDCs podem investir em diferentes tipos de títulos, que compõem um amplo espectro de investimentos, desde dívida até capital próprio. Esse espectro é conhecido como estrutura de capital de uma empresa.

Há BDCs que investem em áreas específicas da estrutura de capital e assim são identificadas como uma BDC de dívida ou uma BDC de patrimônio. Compreender essa diferença é fundamental para avaliar o perfil de risco do investimento e o rendimento potencial que ele tem a oferecer.

Na hierarquia da estrutura de capital, os empréstimos são destinados a retornar o principal somado de juros para os investidores, mas não participam do crescimento da empresa. Dívida sênior segurada com garantia sólida é considerada o investimento menos arriscado e normalmente paga juros a uma taxa mais baixa do que empréstimos não garantidos.

As ações ordinárias de pequenas empresas, por outro lado, podem aumentar substancialmente em valor se a empresa crescer, mas normalmente não fornecem renda atual e podem oferecer maior risco em caso de crise.

Exemplo de estrutura de capital

A estrutura de capital representa a ordem de pagamento que a empresa investida deve fazer para arcar com as suas despesas financeiras. Quanto mais alto na hierarquia, menos arriscados é o papel, mas menos rendimento ele oferece.

  1. Dívida sênior segurada
  2. Dívida sênior não segurada
  3. Dívida subordinada
  4. Dívida Mezanino
  5. Bonds conversíveis
  6. Dívidas com garantias específicas
  7. Ações preferenciais
  8. Ações Comuns

Por outro lado, ao investir nas próprias ações de empresas fechadas, o potencial de ganho, caso a empresa prospere supera em muito qualquer ganho de renda fixa.

Ciclo de vida de uma Business Development Company

Etapa 1: Início

Em seu início, uma BDC procura levantar fundos para fazer investimentos e montar seu portfólio. Ao avaliar uma BDC como investimento potencial, é fundamental considerar o histórico da empresa. Mesmo que desempenho passado nunca possa garantir sucesso no futuro, ele fornece uma visão valiosa das carteiras que a equipe de gestão construiu anteriormente e a forma como operavam.

Etapa 2: Gestão de Portfólio

Nesta fase, a BDC encerra seus esforços de arrecadação e concentra-se na construção e gestão da carteira de investimentos. Para a maioria das BDCs que estão investindo em títulos de dívida de pequenas empresas, esta é a fase de demonstrar a capacidade de gerar receita para os investidores da DBC.

Etapa 3: Evento de saída

Os gerentes da BDC buscam monetizar os investimentos ao vendê-los e realizar ganho de capital para os investidores, embora haja sempre o risco de perda. A ideia é sempre reciclar os ativos da carteira com outros papéis com maior potencial ou mais adequados para a situação de mercado. Caberá à equipe de gestão avaliar se há oportunidades no mercado que favoreçam a venda de papéis detidos pela DBC.

Riscos

Por mais que investimento em BDCs possa fornecer retornos potenciais atrativos, você assume certos riscos, assim como em qualquer investimento. Por exemplo, mudanças nas taxas de juros podem reduzir a taxa de retorno prevista ou afetar o valor de mercado dos papéis da carteira de investimentos da BDC.

Outro risco pode ocorrer durante as fases iniciais de uma BDC. Até a fase de investimento ser concluída, a receita de investimento pode não ser adequada para cobrir distribuições. Como resultado, o BDC pode optar por reduzir os
dividendos que prometeu ou fazer dívida para pagá-los.

Não há garantia de qualquer retorno sobre o investimento e os investidores podem perder a totalidade ou parte de
seu principal. Além disso, é possível que uma equipe de gestão BDC possa fazer uma gestão ruim que termine em perdas.

A possibilidade de a BDC pegar empréstimos para fazer investimentos é uma forma de alavancagem. A alavancagem aumenta a volatilidade e amplia o potencial de ganho ou perda.

Em resumo

As Business Development Companies são um híbrido entre uma companhia operacional e uma companhia de investimento.

São um tipo de fundo fechado que:

  • Oferece acesso a capital para pequenas e médias empresas
  • Permite a fundos de Private Equity que acessem o mercado de capital público
  • Permite que investidores de varejo participem dos ganhos pré-IPO investindo em um ativo líquido

Todos os ganhos obtidos como juros de dívida e ganho de capital com a compra e venda de papéis de renda fixa ou participação nas empresas investidas são distribuídos para os acionistas da BDC após o pagamento das despesas.

Conclusão

As Business Development Companies são um jogador importante no mercado financeiro americano, por fornecerem financiamento, seja por meio de empréstimos ou compra de participação societária em pequenas e médias empresas.

Antes das BDCs, havia oportunidades muito limitadas para essas empresas levantarem o capital necessário para atuar e para os investidores participarem deste segmento de mercado. A maioria das pequenas empresas é privada e investir nelas é algo que não é acessível a investidores de varejo.

O fato de os juros dos empréstimos feitos pelas DBCs serem altos e a possibilidade de ganho de capital com a venda das participações tornam esse investimento uma alternativa rentável também do ponto de vista dos dividendos.

5/5 - (3 votes)

Aviso: Declaro que não sou analista de valores mobiliários. As informações discutidas no artigo possuem propósito educacional e refletem única e exclusivamente meus estudos, pesquisas e opiniões. Não devem ser consideradas como recomendação de investimento.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

Posts com maior repercussão