Qual a melhor ação para comprar agora?

melhor ação para comprar agora

Finalmente a resposta para esta incansável pergunta

Quantas vezes nos deparamos com essa pergunta? Seja quando entramos no home-broker para tomar decisões de investimento, seja quando alguém pessoalmente, nas redes sociais ou mesmo por e-mail a dispara sem cerimônia.

Quando esta pergunta vem de uma outra pessoa, é possível responder de maneira responsável ou irresponsável.

A maneira irresponsável é justamente passar a ação “quente” do momento, como uma Vale (B3:VALE3) ou Tesla (NASDAQ:TSLA).

Por outro lado, alguém com mais vivência do mercado, ao se confrontar com essa pergunta, já reage com um “Ai, Meu Deus!” mental, justamente por entender que existem outras questões a serem levantadas antes de encontrar a resposta. Essa é a maneira responsável.

A maneira responsável

Quando você deseja encontrar a melhor ação para comprar agora, você precisa primeiro avaliar uma série de outras questões, que incluem tanto as suas características como investidor, bem como a alocação do seu portfólio.

Primeiro você define o seu perfil de investidor:

  1. Conservador: tolera pouca volatilidade
  2. Moderado: tolera um pouco de volatilidade para ter retorno maior
  3. Agressivo: tolera mais volatilidade em busca de um retorno ainda maior

A definição do perfil irá lhe ajudar a compor a sua carteira de investimentos:

  1. Conservador: maior alocação em renda fixa
  2. Moderado: equilíbrio entre renda fixa e renda variável
  3. Agressivo: maior alocação em renda variável

As suas alocações em cada um dos tipos de ativos também devem refletir o seu perfil de risco. Não adianta você se dizer conservador e investir apenas em ações especulativas (turnaround) ou bonds da Venezuela. O peso dos ativos de menor risco deve ser maior que o dos ativos de maior risco. A proporção se inverte quando o perfil é agressivo.

Uma outra questão é quanto ao horizonte de tempo. É até possível ser responsável indicando ações que estejam em momento de compra segundo indicadores gráficos, com pontos de entrada, stop-gain e stop-loss. Já quando se trata de investimento de longo prazo, indicar uma ação para outra pessoa pode ser bastante perigoso pelo fator convicção.

Esse é o grande mal de quem fica procurando dicas na internet ou nas pesquisas dos outros. A não ser que você pague um analista que acompanhe todo o caso e o mantenha atualizado, comprar uma ação, porque fulano falou ou porque o gestor tal tem na carteira pode ser bastante perigoso. Uma boa indicação requer necessariamente reavaliações periódicas.

Quer maior exemplo disso do que quem comprou Barrick Gold (NYSE:GOLD) após a notícia abaixo?

Notícia Barrick Gold

Agora veja como as ações se comportaram desde aquele dia:

qual a melhor ação para comprar agora

Uma queda de 23% em pleno Bull-market! Que comprou e segurou até agora deve estar telefonando na sede da Berkshire Hathaway para saber o que fazer agora.

É impossível desenvolver convicção na base da orelhada e é ela que irá mantê-lo comprado quando a ação está tomando um caminho diferente (pra pior) do que a tese inicial indicava. Quem segue este caminho, acaba comprando no oba-oba e vendendo no pânico quando a ação cai. E o pior acontece quando a ação dispara depois que você vende. Diga nos comentários se você já passou por isso.

Uma outra questão que precisa ser respondida antes de saber qual a melhor ação para comprar agora é “qual a sua estratégia?”. Você pretende investir em ações de retorno total (crescimento+dividendos)? Ações de Blue-Chips de baixa volatilidade? Ações pagadoras de dividendos? Qual o porcentual que deseja ter em cada tipo de ação? Se você nunca parou para pensar na distribuição e tipos de ação que coloca na carteira, é melhor reavaliar.

E a dinâmica da carteira? Você faz compras seriadas ou compra tudo de uma vez? Você faz rebalanceamentos? Com qual frequência? Você reinveste os dividendos ou está na fase de usufruir deles?

Conclusão

Descobrir qual a melhor ação para comprar agora vem depois de você descobrir qual o seu perfil de risco, qual a alocação que reflete este perfil, qual a sua estratégia de investimento, qual o seu horizonte de tempo e quais os seus objetivos.

Todas essas respostas servirão de base para que você encontre os melhores ativos para comprar no momento, sejam ações, títulos de renda fixa, REITs, etc. Se você não tem o conhecimento necessário para fazer análises mais profundas em quaisquer deles, não tenha dúvida de que um serviço auxiliar de investimento que seja alinhado com o seu pensamento pode preencher essa lacuna. Ele irá mostrar onde investir e como se comportar no sobe e desce do mercado.

E se você deseja investir no exterior, o Passaporte Internacional é a escolha mais racional para encontrar as melhores oportunidades. Se você ainda não conhece, mande-me uma mensagem que explicarei tudo em maiores detalhes.

Aviso: Declaro que não sou analista de valores mobiliários. As informações discutidas no artigo possuem propósito educacional e refletem única e exclusivamente meus estudos, pesquisas e opiniões. Não devem ser consideradas como recomendação de investimento.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Este post tem 6 comentários

  1. John

    O pessoal vive repetindo igual papagaio que o WB não investe em ouro, ele mesmo vive falando isso.

    Eu tive sucesso comprando quando havia sangue nas ruas, essa dica o WB também dá e realmente funciona.

    1. Olá John,

      Sim, há princípios gerais que é possível seguir com relativo sucesso, mas comprar ação porque fulano comprou não é uma boa estratégia.

      Abçs!

  2. Severino

    Olá Rafael.
    Há alguns dias que esperava para lhe escrever. Não sei se esse é o melhor espaço para me reportar sobre o conteúdo a seguir. Caso não seja, peço desculpas. Na realidade. desejo lhe consultar, solicitar-lhe uma orientação. Sou investidor amador, porém, sempre que possível, sigo orientações técnicas, de profissionais do setor. Em maio/2019, como assinante de uma plataforma digital de investimentos bem conhecida e tida como bem conceituada, recebi – como muitos receberam – um vídeo de um profissional analista daquela plataforma (arrisco afirmar que vc conhece a plataforma e o analista). Conteúdo impactante, denso, tecnicamente bem sustentado, inquestionável. Recomendava uma Carteira de 6 Ações, num setor absolutamente inovador aqui no Brasil e no mundo, como o maior achado nas Bolsas norte-americanas e canadense. Tratava-se do setor de Cannabis e a Ação fantasticamente muito bem indicada foi a Aurora Cannabis. Indicou inclusive a AVENUE (dentre duas corretoras) para cadastramento e abertura de conta. Não tive dúvidas, tomei as providências imediatas, contatei a AVENUE, abri conta, investi, acompanhei (sem assessoramento profissional) e hoje amargo um fantástico prejuízo na Carteira e naquela Ação (nesse momento, algo em torno de 60%). Ou seja, o capital investido (6.000 U$) reduziu de 100 para 40 quase 2 anos depois. Não sei o que fazer, se liquido o saldo que resta e parto pra outra (tenho consultado algumas Ações na plataforma da AVENUE), se aguardo para ver se vem uma reação do setor de Cannabis, ou daquela Ação e/ou da Carteira, ou, se esqueço por longo tempo (sem mais consultar o prejuízo). Acrescento, ainda, que adquiri também uma Ação do setor de tecnologia farmacêutica muitíssimo recomendada por um analista da própria AVENUE, num artigo que li, há um ano, mas tá num prejuízo muito grande. Refiro-me à DVAX-Dynavax Technologies Corporation. Diante do exposto, não sei se é possível você ou alguém daí da AVENUE me oferecer uma orientação nem que para tanto eu possa remunerar a nível de uma consultoria financeira. Antecipadamente, fico agradecido. Bem, é isso Rafael! Aguardo o seu retorno. Severino S. Silva..

    1. Olá Severino,

      O grande problema no seu caso foi entrar em indicações de ações antes de saber montar um portfólio.

      O segundo problema foi entrar nas indicações e não acompanhá-las. Se você compra uma ação indicada, é preciso que quem indicou acompanhe a empresa para avaliar se a tese permanece válida ou se valeria a pena vender.

      Se você se tornar um assinante do Passaporte Internacional, não terá esse tipo de problema, pois tudo é orientado antes de comprar a primeira ação e todas são acompanhadas mensalmente.

      Inclusive temos uma ação do segmento de cannabis que está com mais de 80% de lucro.

      Ficarei feliz em ajudá-lo.

      Abçs!

  3. SEVERINO S. SILVA

    Meu caro Raphael.

    Obrigado pelo seu retorno. “O meu grande problema não foi entrar em indicações de ações antes de saber montar um portfólio” (sic). Conforme relatei entrei nesse setor orientado (ou iludido, como muitos) atraído por um marketing agressivo, muitíssimo bem apresentado técnica e economicamente pelo João Piccioni e a Empíricus. A carteira foi montada por ele, com o destaque especial à Aurora Cannabis. Todavia, confiamos, como muitos, acompanhamos e questionamos a decadência do setor, sobretudo da Aurora Cannabis e de duas desatualizações de valores da carteira tal qual constatamos. Comunicamos e sequer recebemos resposta, não obstante as correções foram feitas. Assim, durante a assinatura (1 ano) o acompanhamento foi quase mínimo. Mas, a orientação era esperar a reação do setor. Então, confiamos nos ‘profissionais da Empiricus’, vendedores de ilusões, e temos hoje nesse setor o status que lhe relatei. Veja no Google o que vendem hoje: “A Ação Número 1” da Bovespa (ver filme do Max Bohm), cuja assinatura custa R$ 5,00/mês, ou seja, R$ 60,00/ano. Há diversas outras assinaturas com essa mesma “estratégia”, talvez por descrédito do mercado.Não sei. Dar para acreditar? Já fiz várias assinaturas da Empiricus, hoje não faço nenhuma. Até as carteiras da Vítreo (onde aplico e opero) fujo das recomendações a Empíricus, dada à associação feita entre as duas empresas, mesmo que a gestão e supervisão seja da Vítreo. Quanto à sua assinatura, estou avaliando assinar e nos próximos dias devo decidir, mais uma vez, obrigado.

    1. Olá Severino,

      Fico chateado com a sua experiência. Por outro lado fica o aprendizado.

      Investimento é questão de confiança.

      Tornando-se assinante do Passaporte Internacional, você terá todo o suporte que necessita para montar uma carteira de investimentos completa nos Estados Unidos.

      No momento temos 21 ações e nenhuma fica esquecida na carteira. Todas têm acompanhamento.

      Inclusive no ano passado fiz uma renovação da carteira de forma a ter apenas as melhores ações. O resultado tem sido excelente.

      Abçs!

Deixe um comentário

Posts com maior repercussão